ANGRA 3:
Não deixe o Presidente Lula
dar essa bola fora!
Pesquisa de opinião pública encomendada pelo Greenpeace aponta que mais de 82% dos brasileiros são contrários à construção de usinas nucleares no País, acreditando que o Brasil possa se desenvolver usando fontes de energia mais limpas, baratas e seguras.
Pesquisa ISER 2004
(clique aqui para ler a íntegra)

As usinas nucleares de Angra 1 e 2 já custaram aos brasileiros mais de R$ 54 bilhões e consomem diariamente cerca de R$ 1 milhão. Apesar desse enorme investimento, geram só 2% da energia produzida no país. Para construir Angra 3, mais de R$ 10 bilhões serão consumidos.

Usinas nucleares são caras e perigosas. Acidentes nessas instalações podem ter efeitos e custos incalculáveis. O desastre ocorrido em 1986, na usina nuclear de Chernobil, na Ucrânia, quando um dos quatro reatores explodiu, deixou milhares de mortos e milhões de contaminados. Reatores e instalações geram grandes quantidades de lixo nuclear, que precisam ficar sob vigilância por milhares de anos e não se conhece técnica 100% segura para seu armazenamento.

O Brasil precisa dar um basta definitivo à sua aventura nuclear, não apenas não permitindo a construção de novas usinas, mas desativando as existentes. Preencha os dados ao lado e envie já sua mensagem para o Governo Federal. A mensagem será enviada para o Presidente Lula, para os Ministros Eduardo Campos (Ciência e Tecnologia), Dilma Roussef (Minas e Energia), Marina Silva (Meio Ambiente), José Dirceu (Casa Civil) e líderes dos partidos no Congresso nacional.
Excelentíssimos Presidente, Ministras, Ministros e senhores líderes de partidos no Congresso Nacional,

O Governo Federal tem declarado estar disposto a hipotecar nosso futuro ambiental e econômico, anunciando que pretende apostar mais alguns bilhões de reais na temerosa e suja indústria nuclear. A tecnologia nuclear é economicamente inviável e não existe solução para o lixo radioativo que produz, representando um grande risco à população e ao meio ambiente. Usinas nucleares são caras e perigosas. Acidentes nessas instalações podem ter efeitos e custos incalculáveis. O desastre ocorrido em 1986, na usina nuclear de Chernobil, na Ucrânia, quando um dos quatro reatores explodiu, deixou milhares de mortos e milhões de contaminados. Reatores e instalações geram grandes quantidades de lixo nuclear, que precisam ficar sob vigilância por milhares de anos.

As usinas nucleares de Angra 1 e 2 já custaram aos brasileiros mais de R$ 54 bilhões e consomem diariamente cerca de R$ 1 milhão. Apesar desse enorme investimento, geram só 2% da energia produzida no país. Para construir Angra 3, mais de R$ 10 bilhões serão consumidos.

Assim como 82% dos brasileiros entrevistados em Maio passado pela pesquisa Greenpeace/ISER - Instituto de Estudos da Religião, sou contra a construção de usinas nucleares no Brasil e acredito que o País possa se desenvolver usando fontes de energia mais limpas, baratas e seguras. Espero que os senhores não permitam a construção de novas usinas nucleares em nosso território e desativem as já existentes. Dêem um basta definitivo à aventura nuclear brasileira.

Atenciosamente,
Nome:
Data de nascimento:
e-mail:
Cidade:
Estado:
País:
Sim! Desejo receber mais informações
sobre o Greenpeace e cadastrar-me para participar desta campanha.